NOTÍCIAS

Igreja abandona templo e se reúne no meio do rio

05/10/2015

Não há paredes ou púlpito na River Church [Igreja do Rio], localizada em uma comunidade na zona rural oeste da Carolina do Norte, nos Estados Unidos. Ela começou em 2007, como um ministério da Igreja Metodista Unida de Bryson City. Durante o verão, os membros usam suas canoas e caiaques para chegar até uma espécie de caverna no meio do rio Nantahala. Ali procuravam ver, ouvir e sentir Deus na natureza nos domingos pela manhã. Não há atividades “normais” no templo nessa época.

Seus líderes afirmam que essa é uma maneira de atender às necessidades de pessoas que gostam de aproveitar atividades ao ar livre nos finais de semana.

“Nós queríamos oferecer algo que parecesse natural para eles”, disse o pastor Wayne Dickert, um ex-remador olímpico que hoje lidera a igreja.

O rio faz parte do Centro Nantahala, um local turístico da região, que atrai mais de 1 milhão de visitantes por ano. As pessoas procuram as corredeiras do rio para praticar rafting, fazem mountain bike, e paddleboard. Também fica perto da chamada Trilha Appalachian, destino de quem gosta de fazer caminhadas.

Depois de sermões, Dickert diz que os participantes ficam remando no rio e refletem sobre a mensagem do dia. É um raro momento de calma para os seus membros, em meio a uma agitada temporada de verão.

“Eles realmente se sentem mais ligados a Deus, experimentando mais da criação, da vida no ambiente que Deus criou para respirarmos”, defende Dickert. “Então, quando estamos adorando, podemos olhar para cima e ouvir os sons dos rios, observar o verde das árvores e ouvir o canto dos pássaros. É realmente muito especial cultuar lá”, acrescentou.

Fontes: Huffington Post/Gospel Prime
Adaptação: Milton Alves




SOCIEDADES INTERNAS

SIGA:

Siga, compartilhe, interaja!

NEWSLETTER:

Receba as novidades da Jardim de Oração.