NOTÍCIAS

Dilma recebe “bênção de Exu” durante visita ao Piauí

16/09/2015

A presidente Dilma Rousseff, que nos últimos dias remeteu ao Congresso a volta do imposto sobre os cheques, a CPMF, esteve em Teresina, no Piauí, na última sexta-feira (11) cumprindo agenda política e foi recebida por representantes do candomblé e umbanda que deram a ela algo denominado “bênção de Exu” durante o evento Dialoga Brasil. Uma mãe de santo disse à imprensa que a bênção vai ajudar a presidente a resolver os problemas do Brasil.

“Demos bênçãos de Exu para a nossa presidente para que ele abra os caminhos e ajude a resolver os problemas do país?”, explicou a mãe de santo Yatyllyssa, do estado de Roraima ao site G1.

Os religiosos aproveitaram o encontro para pedir que Dilma ajude no combate à intolerância.

“Também entregamos a ela um pedido para que vote o plano nacional a contra a intolerância religiosa, pois sofremos muito com isso. Nossas religiões são discriminadas e esquecidas pelos governos”, disse a mãe de santo.

Uma adolescente que foi apedrejada no Rio de Janeiro também esteve no encontro com Dilma e deu bênção para a presidente.

“Fui atacada no meio da rua em minha cidade porque estava vestida de roupa da umbanda. Vim pedir para a presidente que ela aprove nosso plano de intolerância religiosa, pois nós merecemos respeito. Já fui para vários lugares vestida assim e quero que minha religião seja respeitada como faço com as demais”, disse a jovem.

Dilma Rousseff fez um discurso defendendo o direito de crença das pessoas em um país democrático.

“Somos um país que respeita as diferenças religiosas, não temos guerras religiosas. Nós somos um país que tem de respeitar as diferenças étnicas, as diferenças raciais. Isso é algo que temos que superar porque ninguém que viveu a escravidão supera isso de forma fácil”, afirmou a presidente.

Fonte: G1/Gospel Prime
Adaptação: Milton Alves




SOCIEDADES INTERNAS

SIGA:

Siga, compartilhe, interaja!

NEWSLETTER:

Receba as novidades da Jardim de Oração.